Últimas Notícias

[5]

Humanos produziam pão 4 mil anos antes da agricultura surgir


Um estudo publicado esta semana na Proceedings of the National Academy of Sciences encontrou as mais antigas evidências empíricas da preparação de produtos alimentícios bastante similares ao pão há mais de 14 mil anos, cerca de 4 mil anos antes da emergência da agricultura no Neolítico.

Apesar de ser um dos mais importantes alimentos consumidos no mundo moderno, as origens do pão eram ainda largamente desconhecidas. A mais simples receita de pão contém uma mistura de farinha de trigo - ou outros grãos de cereais processados - e água para produzir uma massa que pode ou não ser fermentada antes de ser assada, frita ou cozinhada a vapor. Nesse sentido, o processo de preparação desse tipo de alimento deixa vestígios químicos e físicos resistentes ao tempo que os arqueólogos podem rastrear. Seguindo esses rastros, pesquisadores da Universidade de Copenhagen, Universidade de Cambridge e da Universidade Faculdade de Londres conseguiram encontrar um local em Shubayqua 1, localizado no Deserto Negro do Jordão, que continha vestígios de dois antigos fogões enterrados utilizados para a preparação de refeições diversas há cerca de 14,6-11,6 mil anos, antes mesmo da agricultura ter emergido na região.

- Continua após o anúncio -



Com a ajuda de um microscópio de escaneamento eletrônico - o qual utiliza o tunelamento de elétrons para o profundo detalhamento de superfícies - os pesquisadores identificaram 24 partes de compostos carbonizados pertencentes a um produto alimentício similar ao pão que hoje conhecemos. Apesar da composição exata desse pão ainda permanecer um mistério, sua estrutura molecular lembra espécies de grãos de cereais como einkorn (Triticum monococcum), centeio (Secale cereale), aveia (Avena sativa) ou millhete (Panicum e Setaria), e provavelmente sem o uso de leveduras (sem fermentação). Algumas partes também tinham incorporado vestígios de amido (oriundo de tubérculos), tecido vascular e parênquima. Em volta dos fogões, foram encontrados vestígios de grãos de trigo e de cevada selvagens, com cerca de 46% deles com sinais de maceração ligados à produção de alimento.

O achado sugere que a produção de pães baseada em cereais selvagens pode ter encorajado os humanos caçadores-coletores a cultivarem cereais, contribuindo para a revolução agrícola no Neolítico. Além disso, o achado também fornece pistas de como os humanos naquela época faziam para cobrir suas exigências nutricionais.

Compartilhe o artigo:



Publicação do estudo: PNAS

Humanos produziam pão 4 mil anos antes da agricultura surgir Humanos produziam pão 4 mil anos antes da agricultura surgir Reviewed by Saber Atualizado on julho 16, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Sora Templates

Image Link [https://2.bp.blogspot.com/-XZnet68NDWE/VzpxIDzPwtI/AAAAAAAAXH0/SpZV7JIXvM8planS-seiOY55OwQO_tyJQCLcB/s320/globo2preto%2Bfundo%2Bbranco%2Balmost%2B4.png] Author Name [Saber Atualizado] Author Description [Porque o mundo só segue em frente se estiver atualizado!] Twitter Username [JeanRealizes] Facebook Username [saberatualizado] GPlus Username [+jeanjuan] Pinterest Username [You username Here] Instagram Username [jeanoliveirafit]