Últimas Notícias

[5]

Cientistas conseguiram revelar finalmente quantas moléculas de proteínas existem em um célula eucariótica simples: cerca de 42 milhões


Agora é oficial: um time de pesquisadores da Universidade de Toronto anunciou que uma típica célula eucariótica de uma levedura - fungos unicelulares que englobam espécies famosas pela fermentação de massas e bebidas alcoólicas - possui cerca de 42 milhões de moléculas de proteínas. O resultado saiu da análise de células da espécie Saccharomyces cerevisiae e foi publicado esta semana na Cell Systems.

Para conseguir a quantidade total, os pesquisadores mapearam quantitativamente os diferentes tipos de proteínas codificados pelos estimados 5858 genes do S. cerevisiae, com base em 21 estudos analíticos do tipo encontrados na literatura acadêmica. As análises mostraram que a maioria das proteínas existem dentro de uma estreita faixa - entre 1000 e 10 mil moléculas. Algumas proteínas são bastante abundantes, contendo mais de 500 mil cópias, enquanto outras não ultrapassam 10 moléculas dentro da célula.

Com esses números estimados para cada proteína, análise das estimativas de trabalhos anteriores e considerando uma densidade das células sendo de 1,1029 g/ml, um conteúdo de água de 60,4% e de massa proteica seca de 39,6%, os pesquisadores chegaram ao valor de 42 milhões de moléculas de proteínas na média para cada célula da levedura S. cerevisiae.

Estudos anteriores que visavam tais cálculos mostravam-se bastante imprecisos e com grande variação de valores entre muitos deles, algo agora corrigido.





As proteínas são uma das unidades funcionais primárias na biologia e base de toda vida. Os genes, aliás, basicamente existem com a função primordial de codificar proteínas (1). Essas macromoléculas cumprem papel estrutural, enzimático e até energético. Entender a distribuição dos inúmeros tipos de proteínas dentro das células vivas é de fundamental importância para o entendimento de doenças e da bioquímica em geral.

O novo trabalho vem com grande alegria para os pesquisadores do mundo inteiro. O próximo passo é aplicar técnicas de análise similar para melhor quantificar e qualificar proteínas em seres mais complexos, como o ser humano e seus estimados 20 mil genes.


(1) Para entender melhor o assunto, acesse o artigo: Brincando de Deus: Cientistas finalmente conseguiram expandir o alfabeto genético e agora estão criando novas formas de vida

Publicação do estudo: Cell

Cientistas conseguiram revelar finalmente quantas moléculas de proteínas existem em um célula eucariótica simples: cerca de 42 milhões Cientistas conseguiram revelar finalmente quantas moléculas de proteínas existem em um célula eucariótica simples: cerca de 42 milhões Reviewed by Saber Atualizado on janeiro 18, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Sora Templates

Image Link [https://2.bp.blogspot.com/-XZnet68NDWE/VzpxIDzPwtI/AAAAAAAAXH0/SpZV7JIXvM8planS-seiOY55OwQO_tyJQCLcB/s320/globo2preto%2Bfundo%2Bbranco%2Balmost%2B4.png] Author Name [Saber Atualizado] Author Description [Porque o mundo só segue em frente se estiver atualizado!] Twitter Username [JeanRealizes] Facebook Username [saberatualizado] GPlus Username [+jeanjuan] Pinterest Username [You username Here] Instagram Username [jeanoliveirafit]