Últimas Notícias

[5]

Cientistas Suecos produzem o mais forte biomaterial já feito


Um time de pesquisadores Suecos produziu o mais forte bio-material já feito. Baseado em nanofibras de celulose biodegradáveis, o material orgânico é mais forte do aço e até mesmo mais forte do que os fios de teias de aranha, geralmente considerados o bio-material mais forte conhecido. O feito ocorreu no Instituto KTH de Tecnologia Real, em Estocolmo, e foi detalhado em um estudo publicado ontem na ACS Nano of the American Chemical Society.

- Continua após o anúncio -



Para a produção do material, os pesquisadores utilizaram nanofibras comerciais de celulose (polissacarídeo estrutural que constitui a parede celular das plantas) com apenas cerca de 2-5 nanômetros de diâmetro (um bilhão de vezes menor do que 2-5 metros) e um máximo de 700 nanômetros de comprimento. Então, eles suspenderam essas nanofibras em água e injetaram a mistura via um pequeno canal revestido de aço com apenas 1 milímetro de espessura. Através de dois pares de entradas paralelas, água deionizada (sem presença de sais dissolvidos) adicional e água com um baixo valor de pH (ácida) entraram sob alta pressão no canal a partir dos lados, espremendo o fluxo de nanofibras injetadas.


Esse processo, chamado de focalização hidrodinâmica, ajudou a alinhar as nanofibras na direção certa, assim como auxiliou sua auto-organização para a formação de fios macroscópicos bem empacotados. O mais interessante é que nenhuma cola ou outro componente estrutural extra foi necessário para unir fortemente as nanofibras, com isso sendo feito pelas próprias forças intermoleculares (eletrostática/van der Wals) da própria celulose. O final foi a produção de fios com até 15 micrômetros de espessura e vários metros de comprimento.

Para acompanhar a estrutura celulósica durante a produção dos fios, os pesquisadores utilizaram técnicas analíticas baseadas em raios-X.

Medidas mecânicas dos fios do novo bio-material mostraram uma dureza de 86 Gigapascals (GPa) uma força de tensão de 1,57 GPa. Isso o torna mais forte do que os fios de seda produzidos pelas aranhas, do que o aço e do que quaisquer outras ligas metálicas.

O fio de nanofibras de celulose poderá ser utilizado como material biodegradável e muito leve que pode substituir o plástico em aviões, carros e outros produtos. E como a celulose não é rejeitada pelo nosso corpo - aliás, boa parte das fibras da nossa dieta é composta de celulose - o novo biomaterial possui grande potencial para fins medicinais.

Compartilhe o artigo:



Artigo relacionado: Teia do Homem-Aranha: Realidade ou Fantasia?

Publicação do estudo:  ACS

Cientistas Suecos produzem o mais forte biomaterial já feito Cientistas Suecos produzem o mais forte biomaterial já feito Reviewed by Saber Atualizado on maio 16, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Sora Templates

Image Link [https://2.bp.blogspot.com/-XZnet68NDWE/VzpxIDzPwtI/AAAAAAAAXH0/SpZV7JIXvM8planS-seiOY55OwQO_tyJQCLcB/s320/globo2preto%2Bfundo%2Bbranco%2Balmost%2B4.png] Author Name [Saber Atualizado] Author Description [Porque o mundo só segue em frente se estiver atualizado!] Twitter Username [JeanRealizes] Facebook Username [saberatualizado] GPlus Username [+jeanjuan] Pinterest Username [You username Here] Instagram Username [jeanoliveirafit]