Últimas Notícias

[5]

Orcas em cativeiro sofrendo terrivelmente com danos dentários


Um time internacional de pesquisadores, conduzindo a primeira investigação de peso sobre a saúde dentária das orcas (Orcinus orca) mantidas em cativeiro - especialmente para shows em parques aquáticos - encontraram uma triste e preocupante realidade: esses magníficos mamíferos marinhos, mas prisioneiros, estão enfrentando terríveis danos dentários.

Todos sabem o quão terrível e doloroso é uma dor de dente, e, nas orcas, a situação, infelizmente, não é diferente. Com cerca de 48 grandes dentes, problemas dentais, além de bastante nocivos para a saúde, devem ser tão dolorosos quanto os humanos sentem. E a nova pesquisa, publicada no Archives of Oral Biology, encontrou que todos os indivíduos examinados em cativeiro - pertencentes a uma companhia presente nos EUA e na Espanha -  tinham dentes danificados.

Das 29 orcas analisadas, mais de 65% tinham de moderado a extremo desgaste na mandíbula inferior, com a maior parte sendo resultado da mastigação de concreto e da superfície metálica dos tanques onde elas são mantidas aprisionadas.

Além disso, mais de 61% dos dentes mandibulares 2 e 3, e 47% do dente mandibular 4 das orcas analisadas exibiam evidências de terem sido submetidos ao procedimento de ´pulpotomia modificada´. Nesse procedimento, o dente das orcas é perfurado, mas não recebe um preenchimento como feito nas pessoas no consultório de dentistas, exigindo um tratamento químico bucal diário para mantê-los livres de restos de comida e infecções bacterianas. A perfuração é feita quando um dente fica tão desgastado que a polpa fica exposta (abrindo um canal para doenças e infecções). Porém, esse procedimento deixa os dentes mais suscetíveis à fraturas diversas, algo que se soma aos danos de desgaste dentário.

Segundo os pesquisadores, os danos nos dentes das orcas é a mais trágica consequência do cativeiro, e algo não visto com intensidade nem próxima no ambiente selvagem. Além de resultar em mortes e morbidez em cativeiro, também leva a um uso crônico de antibióticos, os quais comprometem o sistema imune desses animais.

- Continua após o anúncio -



Esses danos já ocorrem desde o início da vida em cativeiro das orcas, ainda segundo os pesquisadores, e como elas possuem um sistema nervoso muito parecido com o nosso, a dor que enfrentam desses danos dentários deve ser terrível. E o pior é que muitas não podem nem mesmo ser reabilitadas aos oceanos por causa dos procedimentos de perfuração, os quais exigem lavagem química diária para mantê-las livre de infecções.

Os resultados da pesquisa lançam um alerta internacional sobre a situação degradante das orcas mantidas em parques aquáticos e outros ambientes de cativeiro.

Publicação do estudo: ScienceDirect


Para saber mais sobre as orcas, acesse: Bibliotecanimal (Orca)

Orcas em cativeiro sofrendo terrivelmente com danos dentários Orcas em cativeiro sofrendo terrivelmente com danos dentários Reviewed by Saber Atualizado on outubro 12, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário:

Sora Templates

Image Link [https://2.bp.blogspot.com/-XZnet68NDWE/VzpxIDzPwtI/AAAAAAAAXH0/SpZV7JIXvM8planS-seiOY55OwQO_tyJQCLcB/s320/globo2preto%2Bfundo%2Bbranco%2Balmost%2B4.png] Author Name [Saber Atualizado] Author Description [Porque o mundo só segue em frente se estiver atualizado!] Twitter Username [JeanRealizes] Facebook Username [saberatualizado] GPlus Username [+jeanjuan] Pinterest Username [You username Here] Instagram Username [jeanoliveirafit]