Últimas Notícias

[5]

Descoberta espécie de tardígrado que traz um novo 'poder': fluorescência anti-UV


Tardígrados (filo Tardigrada), pequenos animais aquáticos (0,5 a 1 mm de comprimento) com quatro pares de pernas que conseguem resistir a extremos de estresses ambientais diversos, como calor, desidratação, radiação, frio e mesmo vácuo espacial - em condições que facilmente matam vários outros animais - ganhou mais uma espécie do gênero Paramacrobiotus descrita e com um novo 'poder': com uma cor avermelhada (como mostrado acima na imagem pequena em destaque), esse tardígrado é fluorescente e resiste a doses letais de radiação ultravioleta (UV).


- Continua após o anúncio -


A nova espécie - descrita em um estudo publicado no periódico Biology Letters (1) - foi descoberta vivendo em musgos associados a paredes de concreto em Bengaluru, Índia. Ao examinar espécimes com um microscópio invertido de fluorescência, os pesquisadores revelaram que esses animais emitiam luz azul sob radiação UV (365 nm) como mostrado na imagem da postagem. Experimentos subsequentes mostraram que os pigmentos vermelhos nessa espécie de tardígrado absorviam a destrutiva radiação UV e a transformava em luz azul inofensiva.


Quando expostos em laboratório a uma dose letal de ~1 quilojoule por metro quadrado de UV que matavam bactérias e vermes em apenas 5 minutos, e após apenas 15 minutos para espécimes de tardígrado Hypsibius exemplaris - com a maioria morrendo após 24 horas -, todos os espécimes de Paramacrobiotus sp. sobreviveram. E quando os pesquisadores aumentaram essa dose em 4 vezes (4 KJ/m2), cerca de 60% dos tardígrados da nova espécie viveram por mais de 30 dias! Espécimes com menos pigmento vermelho no corpo morriam em cerca de 20 dias.


- Continua após o anúncio -


Os cientistas suspeitam que essa espécie de tardígrado evoluiu alta tolerância à radiação UV para melhor sobreviverem em dias quentes de verão no Sul Indiano. Aliás, em Bengaluru, a dose de UV nessa localização em um típico dia de verão é em torno de 4 KJ/m2.


> Até o momento, cerca de 1300 espécies de tardígrados têm sido reportadas ao redor do mundo. Para quem quiser saber mais sobre esses fantásticos animais - considerados os mais resistentes do mundo -, acesse: https://bit.ly/2FtC6M6


(1) Publicação do estudo: https://royalsocietypublishing.org/doi/10.1098/rsbl.2020.0391

Descoberta espécie de tardígrado que traz um novo 'poder': fluorescência anti-UV Descoberta espécie de tardígrado que traz um novo 'poder': fluorescência anti-UV Reviewed by Saber Atualizado on outubro 14, 2020 Rating: 5

Sora Templates

Image Link [https://2.bp.blogspot.com/-XZnet68NDWE/VzpxIDzPwtI/AAAAAAAAXH0/SpZV7JIXvM8planS-seiOY55OwQO_tyJQCLcB/s320/globo2preto%2Bfundo%2Bbranco%2Balmost%2B4.png] Author Name [Saber Atualizado] Author Description [Porque o mundo só segue em frente se estiver atualizado!] Twitter Username [JeanRealizes] Facebook Username [saberatualizado] GPlus Username [+jeanjuan] Pinterest Username [You username Here] Instagram Username [jeanoliveirafit]